Crédito: João Pires/Fotojump

O brasileiro Orlando Luz não resistiu à experiência de Andrej Martin e foi eliminado ainda na estreia do ATP Challenger de Campinas. O eslovaco precisou de apenas 60 minutos para anotar o placar de duplo 6/3 e avançar às oitavas de final da competição.

O próximo adversário de Martin será o austríaco Michael Linzer, que mais cedo levou a melhor sobre o paulista João Pedro Sorgi por 2 sets a 1, parciais de 4/6, 6/4 e 6/1 em 1h39 de confronto no saibro da Sociedade Hípica.

Atual #599 do ranking mundial, Orlandinho lamentou a derrota e afirmou que a falta de ritmo foi um fator que complicou muito na partida desta segunda-feira.

“Está sendo bem difícil retomar o que eu estava jogando no ano passado. Falta ritmo de jogo, foram poucos torneios esse ano, e aí já volto jogando um torneio grande, na chave e pego um cara experiente. Não consegui fazer o que eu queria. Mas é assim mesmo, só jogando para recuperar e se você não joga bem, joga só uma partida por semana e isso frustra um pouco, claro, porque o trabalho ainda é longo.Agradeço a organização de novo pela chance, mesmo não vencendo, vai ajudar bastante. E agora estou focado na dupla. Estou feliz por estar aqui. Dói perder, mas tem que continuar trabalhando para deixar isso para trás”, disse Luz.

A semana ainda não acabou para Orlandinho. O tenista de 19 anos de idade e o compatriota Fernando Romboli estão na chave de duplas. A parceria foi campeã em São Paulo, em 2015, no primeiro título profissional do gaúcho.

Confira abaixo a programação desta terça-feira no ATP Challenger de Campinas com Feijão, Delbonis e Clezar em ação: