Foto: Reprodução/Twitter Qatar Tennis Federation

Bruno Soares e Jamie Murray ficaram com o vice no ATP 250 de Doha. Nesta sexta-feira, eles acabaram superados pelo austríaco Oliver Marach e pelo croata Mate Pavic na decisão. As parciais foram 6/2 e 7/6(6), em uma hora e 14 minutos de duelo.

Este é o primeiro título de Marach e Pavic na competição nos Emirados Árabes Unidos. Ao todo, a dupla já tem duas conquistas na carreira. Eles venceram o 250 de Estocolmo em 2017.

O início não foi o ideal para a parceria do mineiro. Logo no terceiro game, primeiro com saque de Bruno, os europeus conseguiram a quebra, abrindo 2/1.

Veja também:
Svitolina derrota atual campeã Pliskova e vai à final em Brisbane
Dimitrov vence britânico e encontra Kyrgios pela vaga na final em Brisbane

Firmes, eles não desperdiçaram a vantagem conquistada e ainda voltaram a quebrar o serviço do brasileiro no sétimo game. Assim, sem problemas, marcaram 6/2 em apenas 25 minutos de duelo.

No segundo set, todos os games foram de domínio total dos sacadores, que não cederam quebras nenhuma vez. Com isso, o tiebreak se tornou inevitável.

No desempate, o equilíbrio se fez presente novamente. Marach e Pavic chegaram a ter 6/3, com três match points, mas Bruno e Jamie salvaram. Porém, não foi o suficiente, já que os adversários voltaram a jogar bem para marcar 8/6 e selar o título.

Apesar de ficarem sem o troféu, Murray e Soares melhoraram o desempenho em relação aos últimos dois anos, quando também jogaram em Doha, mas acabaram fora na semifinal.