Foto: Reprodução Twitter/Australian Open

Roger Federer, número 2 do mundo, não deu chances ao húngaro Marton Fucsovics (80º) e está nas quartas de final do Australian Open. Muito seguro, o suíço fez 6/4, 7/6(3) e 6/2, em 2 horas e 1 minuto de confronto.

Com mais uma vitória por 3 a 0, o cabeça de chave 2 segue sem deixar sets pelo caminho no primeiro Slam do ano. No título de 2017, após as oitavas ele já tinha perdido três parciais no torneio.

No primeiro set, o jogo não se mostrou tão fácil quanto muitos esperavam pela diferença de ranking. O húngaro foi consistente e conseguiu confirmar seus primeiros serviços. Na hora decisiva, porém, levou a quebra e perdeu por 6/4.

Veja também:
Melo e Kubot vencem de virada e chegam às quartas de final do Australian Open

O equilíbrio se manteve na segunda parcial. Federer foi preciso no saque, perdendo apenas três pontos em seis games. Desta vez, Fucsovics não levou quebras e a decisão foi para o tiebreak. Firme, o suíço fechou as portas para o rival, fazendo 7/3 e abrindo 2 a 0.

Para não deixar o adversário voltar ao jogo, o atual campeão já iniciou o terceiro com quebra, pressionando ainda mais o húngaro. No quinto game, veio nova vitória no saque de Marton. Assim, sem maiores problemas, o triunfo foi concretizado com 6/2.

Nas quartas, o rival de Roger será o tcheco Tomas Berdych (20º). Firme, ele não deu chances a Fabio Fognini (25º), também nesta madrugada. Em três sets, fez 6/1, 6/4 e 6/4, garantindo a vaga na próxima fase. Em 2017, ele foi eliminado pelo próprio Federer, na terceira rodada.