Divulgação FILA

Com forte presença no esporte mundial, o legado da Fila transita por diversas categorias, mas em especial no tennis, onde é reconhecida desde a década de 70 por apresentar peças clássicas e patrocinar atletas icônicos, que certamente fazem parte da lembrança de todos os amantes deste esporte. Nos últimos anos a marca italiana voltou a fazer grandes investimentos e se tornar a preferida de quem não abre mão do estilo na hora de jogar.

VEJA TAMBÉM
+ FILA apresenta nova coleção exclusiva para o Rio Open
+ Review: Novo calçado Asics Resolution de Novak Djokovic

Durante as próximas 3 semanas a Fila estará estampado nos três grandes torneios da América do Sul, o Argentina Open, que acontece de 10 a 18 de fevereiro, em Buenos Aires, o Rio Open, entre os dias 17 e 25 de fevereiro, na cidade maravilhosa, e o Brasil Open, de 24 de fevereiro a 4 de março, na capital paulista, onde a marca será responsável por fornecer todo material esportivo do staff, árbitros e boleiros, para tanto foi desenvolvida uma uniformização exclusiva.

O gerente de marketing da Fila, Felipe Rosa, destaca a relevância de estar presente no circuito de tennis na América do Sul. “Firmar parceria com esses grandes eventos nos abre oportunidade para criar uma experiência única com nosso público, além de apresentar nossos produtos, compreender as reais necessidades e evoluir”, explica Rosa.

Abrindo o panorama de expectativas para o ano, a Fila visa ganhar notoriedade também em outros segmentos esportivos. “Traçamos uma linha de crescente exposição de marca nos últimos anos. Através de muitas ações de experimentação de produtos, experiência da marca e mídia, estamos ganhamos o reconhecimento do público. Para 2018 teremos muitas novidades, não só no tennis, mas em todas as nossas frentes de atuação (running, training e lifestyle)”, comenta Felipe.

Mantendo a visibilidade de investimentos internacionalmente a Fila também será a marca esportiva oficial do Masters 1000 de Indian Wells, que acontece entre 08 e 18 de março, nos Estados Unidos.

Representatividade nas quadras do Rio Open

Entrando na disputa pelo título a marca terá como representante um dos maiores atletas da atualidade, o croata Marin Cilic (#3 ATP), que é cotado como um dos tenistas com maiores chances de ganhar a competição no Jockey Club do Rio de Janeiro.

Divulgação FILA

Ainda completam o Fila Tennis Team na chave simples os argentinos Diego Schwartzman (#24 ATP) e Horacio Zeballos (#66 ATP), o sérvio Dusan Lajovic (#84 ATP), enquanto o brasileiro Marcelo Demoliner (#43 ATP) chega forte na chave de duplas, seguido pelo já experiente André Sá (#91 ATP), que será homenageado por estar encerrando a carreira profissional, o tenista fará no Rio a sua penúltima competição. Em busca de uma vaga, no qualy estarão os tenistas Carlos Berlocq (#119 ATP), Facundo Bagnis (#188 ATP), Guillermo Duran (#70 ATP), Maximo Gonzalez (#403 ATP) e o atleta José Pereira (#461 ATP) que recebeu o Wild Card e também entrará na disputa.

Dando apoio para os atletas da Fila estará o embaixador da marca, Fernando Meligeni. “Temos um time com grandes atletas, com os quais terei a honra de poder sentar para trocar ideias e passar um pouco do que aprendi em todos esses anos. A ideia é motivá-los para darem o melhor de si dentro de quadra”, comenta Meligeni.

Crédito informações: Máindi