Foto: Reprodução

O britânico Andy Murray e o sérvio Novak Djokovic confirmaram os prognósticos e decidem neste domingo, às 16h (horário de Brasília), o título do ATP World Tour Finals 2016, mais uma vez disputado no complexo da O2 Arena, em Londres.

Murray, o número 1 do mundo, chegou à grande decisão sem perder nenhuma partida. No entanto, durante a semana fez dois jogos desgastantes contra o japonês Kei Nishikori ainda na fase de grupos e diante o canadense Milos Raonic na semifinal. Ele precisou de mais de seis horas para vencer os adversários.

Djokovic, atual número 2 do ranking, também chegou à final com 100% de aproveitamento. Enquanto o adversário precisou de quase quatro horas para despachar Raonic na semi, Nole teve facilidade contra Kei Nishikori e venceu por duplo 6/1, em pouco mais de uma hora.

Os dois tenistas se enfrentaram 34 vezes na carreira profissional. O sérvio tem larga vantagem, com 24 vitórias e 10 derrotas. Em 2016, ambos se enfrentaram em quatro decisões, com três títulos para o sérvio, o último deles em Roland Garros. Murray faturou o Masters 1000 de Roma.

Deixe sua opinião e vote na enquete abaixo!

Compartilhar
Rafael Alaby
Jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado) e Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU). Teve passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. É colaborador do Tennis Info e Torcedores.com