Depois da batalha de 5h que começou na segunda-feira e só acabou ontem pela manhã, o mineiro Bruno Soares e o britânico Jamie Murray retornaram a quadra hoje, brigando por uma vaga na semifinal de Wimbledon.

Do outro lado também tínhamos campeões de Grand Slam, a dupla francesa Julien Benneteau e Edouard Roger-Vasselin, que realizaram o sonho francês e levaram Roland Garros em 2014.

A partida já começou disputada, com os tenistas se respeitando e arriscando pouco, no sétimo game do primeiro set, os franceses conseguiram sua primeira quebra de serviço, abrindo vantagem e fechando em 6/4 com 35min.

O segundo set foi uma repetição do primeiro, dessa vez o saque foi quebrado no 5 game, essa etapa foi um pouco mais longa, como Soares/Murray com muita dificuldade de confirmar o serviço, 6/4 em 41 minutos.

Estava pintando uma nova batalha, o brasileiro se recupera no terceiro e quarto set, vencendo os dois no tie break, com 7/611 e 7/61, tínhamos um 5º set, assim como o jogo anterior, esse precisaria de uma vantagem de 2 games para sabermos quem estaria na semifinal.

Depois de 4h30 os franceses conseguem fechar, 10-8 no quinto e decisivo set, 3 a 2 – com placar de 6/4, 6/4, 6/7, 6/7 e 10-8.

Uma triste derrota para o Brasil que agora fica sem representantes no Major londrino.

Wimbledon é no Tennis Info

Compartilhar
Erivelton Viana
Pós-graduando em Jornalismo esportivo, louco por tênis desde sempre. Sampras, Federer e Guga, seus ídolos. Um esporte, um amor, uma paixão.