Foto: Luke Hemer/Tennis Australia

Depois de descobrir as campeãs de duplas e simples, foi a vez do Australian Open conhecer os vencedores nas duplas masculinas. Quem levantou o troféu desta vez foi a parceria formada por John Peers e o finlandês Henri Kontinen, que superaram a dupla formada pelos americanos Bob e Mike Bryan em dois sets, parciais de 7/5 e 7/5.

A parceria entre os dois é recente, mas já soma seis troféus em um ano. Entre os títulos, eles tiveram sucesso também nos ATP 250 de Brisbane e Munique e no 500 de Hamburgo, além de levantarem o caneco no Masters 1000 de Paris e no ATP Finals.

Foto: Luke Hemer/Tennis Australia
Foto: Luke Hemer/Tennis Australia

Com a derrota, os irmãos Bryan perderam a chance de igualar o australiano John Newcombe, que por 17 vezes saiu vencedor nas duplas de um Slam. Outra número importante que os gêmeos não conseguiram foi o hepta no torneio realizado em Melbourne, o que acabaria com o jejum em Majors, que dura desde o US Open de 2014.

Compartilhar
Guilherme Souza
Estudante de Jornalismo e fundador do site Four Blitz. Colaborador do Tennis Info desde 2016 e membro da bancada do Podcast Backhand na Paralela. Grande fã de Guga, Federer e Nadal. Acima de tudo, um apaixonado por esporte.