Brasileiro foi destaque no site da ATP. Foto: ATP World Tour

O brasileiro Bruno Soares alcançou nesta quinta-feira a 400ª vitória de sua carreira. Disputando o Masters 1000 de Xangai ao lado do britânico Jamie Murray, ele superou o sul-africano Kevin Anderson e o sérvio Nenad Zimonjic depois de marcar 7-5, 6-2 em 75 minutes.

Confira um levamento feito pela especialista em duplas Aliny Calejon:

“É um número incrível para mim, algo realmente especial”, disse o tenista para o site oficial da ATP. “Eu não tinha ideia de que fosse chegar a um número como este. Estou tão feliz por poder jogar nesses grandes torneios contra os melhores jogadores. É um dia especial para mim, e também para o tênis brasileiro. Estou muito honrado”, concluiu.

Bruno e Jamie agora encaram a parceria formada pelo sul-africano Raven Klaasen e o norte-americano Rajeev Ram, responsáveis por eliminar a dupla do gaúcho Marcelo Demoliner e o italiano Fabio Fognini em sets diretos.

Melo segue firme

Dupla salvou três match point antes de selar a vitória. Foto: Divulgação

Cabeças de chave número #2 do torneio, o mineiro Marcelo Melo e o polonês Lukasz Kubot venceram nesta manhã os espanhóis Marc Lopez e Feliciano Lopez. Em duelo equilibrado, os dois anotaram parciais de 7/5, 4/6 e 13/11 em 1h45.

“Foi um jogo duríssimo. Começamos na quadra descoberta, tivemos um break acima, mas eles quebraram de volta. Aí com a chuva passamos para a coberta. Mesmo assim conseguimos manter o foco. Sabíamos que era uma partida muito difícil e o mais importante foi ficar, como sempre, lutando até o último ponto. Foi o que fizemos mais uma vez”, declarou Melo.

“Buscamos uma partida em que estávamos perdendo por 7/3 e salvamos três match-points. A chave foi lutar até o fim, acreditar que fizemos o treinamento, o trabalho todo e o jogo ia, quem sabe, vir para nós, tentando e lutando sempre. Ficamos muito felizes com essa vitória. Viemos de uma partida em que perdemos match-points, em Pequim. Então poder salvar match-points agora e avançar foi muito importante para nós”, completou o Girafa.

Melo e Kubot agora enfrentam o duo formado pelo mexicano Santiago Gonzalez e o chileno Julio Peralta, que mais cedo eliminaram o norte-americano Ryan Harrison e o neozelandês Michael Venus com o placar final de 6/4 e 7/6 (7-5).